Com o primeiro lançamento, o EP "Ectogenesis", em carteira, o projecto sueco Terravoid apresenta o seu metal progressivo sombrio e sinistro. Terravoid: futuro sinistro

Origem: Suécia
Género: prog metal
Último lançamento: “Ectogenesis” (EP, 2021)
Editora: Liminal Spaces Distribution
Links: Facebook | Bandcamp

Com o primeiro lançamento, o EP “Ectogenesis”, em carteira, o projecto sueco Terravoid apresenta o seu metal progressivo sombrio e sinistro.

«“Ectogenesis” é um EP de quatro faixas de metal progressivo intenso, ambiente misterioso e passagens industriais ameaçadoras.»

Último lançamento: «“Ectogenesis” é um EP de quatro faixas de metal progressivo intenso, ambiente misterioso e passagens industriais ameaçadoras. Leva o ouvinte a um passeio numa montanha-russa através de passagens sinistras semiacústicas e ambiente tenso até paisagens atmosféricas melódicas e épicas antes de irmos parar novamente aos pântanos do metal técnico, com riffs intensos e ferozes e blast-beats furiosos.»

Conceito: «O tema principal do álbum é baseado em vários assuntos distópicos da ficção científica e a inevitável extinção da humanidade. A maneira como diferentes ideias da ficção científica lentamente se insinuam no mundo real com a rápida evolução da tecnologia e da ciência real, transformando o mundo num lugar mais negro, sombrio e sem alma daquilo que já é.»

Influências: «Este é o lançamento de estreia, portanto ainda não houve muita evolução. A principal inspiração vem da cena metal que existia há cerca de 10-15 anos com bandas como Nevermore, Strapping Young Lad, Biomechanical e assim por diante. Também tempero a música com passagens ambient e synthwave influenciadas por John Carpenter e outros.»

Review: Projecto do sueco Oliver Palmquist, Terravoid apresenta uma sonoridade colada ao metal progressivo, com várias estruturas (como se fossem capítulos numa só música) e ambiências sombrias e ameaçadoras. A viagem por temas como “Ectogenesis” pode ser considerada sinistra e tensa, tanto devido à ferocidade metal de guitarras e vozes alarmantes como por causa de interlúdios experimentais que cruzam sensações de terror e industrial. Poderá ser indicado para fãs de Carach Angren.