#Guitarrista

Subsolo

Supremate: resiliência transformativa

Mesmo a tempo de celebrarem 20 anos de carreira, os Supremate chegam à Metal Hammer Portugal para divulgarem o segundo álbum “Uniting Flaw”.

Publicado há

-

Género: thrash metal
Origem: Finlândia
Último lançamento: “Uniting Flaw” (2018)
Editora: independente
Links: Facebook | Bandcamp
Entrevista e review: Diogo Ferreira

Mesmo a tempo de celebrarem 20 anos de carreira, os Supremate chegam à Metal Hammer Portugal para divulgarem o segundo álbum “Uniting Flaw”.

«O som dos Supremate evoluiu durante os anos e tornou-se mais progressivo.»

Objectivos: «Pode não ter sido tão consciente no momento do processo de escrita, mas queríamos levar o nosso estilo mais adiante com este lançamento, abraçando as bandas e o estilo metal que nos levou a formar a nossa própria banda em primeiro lugar (como Pantera, Megadeth, Death, etc.), mas nós queríamos usar alguns elementos mais exclusivos. As assinaturas incomuns de tempo nunca foram raras na música dos Supremate, mas, além disso, talvez haja mais algumas melodias desta vez, especialmente nas linhas vocais.»

Composição: «Começámos apenas a compor músicas, e o nosso objectivo era ter pelo menos 8 ou talvez 10 músicas para que pudéssemos lançar um álbum. Sempre compusemos a música primeiro, o que significa que as primeiras demos dos Supremate são sempre jams instrumentais da música final. Isso acontece porque a nossa música é fortemente focada nos riffs de guitarra, e nós gastamos muito tempo para fazer com que esses riffs se encaixem perfeitamente. Naturalmente, as linhas vocais dos refrãos, por exemplo, também estão envolvidas nos estágios iniciais do processo de escrita.»

Evolução: «Queríamos mesmo soar melhor do que na última vez (“Supremate”, lançado em 2015). Também queríamos soar melhor como banda e como músicos. E esses objectivos são certamente alcançados neste álbum. No geral, o som dos Supremate evoluiu durante os anos e tornou-se mais progressivo.»

Sonoridade: «Como mencionámos acima, podem ouvir algum metal dos anos 1990 no nosso som e no nosso estilo de criar músicas. Mas há bastantes reviravoltas únicas na música dos Supremate que nos fazem ficar por conta própria, ou pelo menos pensamos assim.»

Futuro: «Actualmente estamos a compor novo material, e até agora temos quatro músicas novas, ainda não gravadas. Portanto, fiquem atentos para mais Supremate!»

Review: A comemorem 20 anos de existência, a banda dos gémeos Leskinen tem em “Uniting Flaw” o álbum mais recente, um trabalho composto por malhas thrash metal que ultrapassam as barreiras da ortodoxia. Por exemplo, a faixa “Despite the Scars” apresenta noções de groove metal à Pantera, leads de heavy metal mais tradicional e um cheirinho, ainda que muito sóbrio, de rock alternativo / post-grunge à norte-americana. Pujança não falta!

Facebook

Destaques

Notícias

Artigos

Mundo das Guitarras © 2021