#Guitarrista

Artigos

Jerry Cantrell diz que James Hetfield é o maior frontman do metal e não vamos discordar

O senhor do riff de Alice In Chains, Jerry Cantrell, diz-nos por que é que o frontman dos Metallica, James Hetfield, é o verdadeiro padrinho do metal.

Publicado há

-

O senhor do riff de Alice In Chains, Jerry Cantrell, diz-nos por que é que o frontman dos Metallica, James Hetfield, é o verdadeiro padrinho do metal.

O guitarrista de Alice In Chains, Jerry Cantrell, trabalhou com muitos nomes impressionantes durante o seu tempo. De Ozzy a The Cult, de Pearl Jam a Danzig, unir-se a grandes nomes ao longo da sua carreira é algo que nunca o perturbou. Há uma pessoa, no entanto, que ainda é capaz de reduzi-lo a um fanboy tagarela. A pessoa? James Hetfield.

Aqui, Cantrell presta homenagem ao frontman dos Metallica e explica por que é que ele será sempre o seu ícone musical.

-/-

«Há muito tempo, eu e o Sean [Kinney, baterista de Alice In Chains] encontrámo-nos com James Hetfield e Robert Trujillo para fazermos um concerto de beneficência em Los Angeles.

O James até me pediu para cantar “Them Bones” e “Would?”, e pensei: ‘Vamos lá!’ Então tocámos essas duas músicas e depois tocámos “Nothing Else Matters”. Foi uma das coisas mais porreiras que já fiz em toda a minha vida.

Como guitarrista, venho da escola de rock do Malcolm Young, que é sobre ritmo e composição. Se falarem com alguém, eu não sou muito conhecido como um solista virtuoso. Para mim, é sobre ritmo, tom, sensação e arranjo. Acho que o James também vem dessa escola.

O que faz de James um grande frontman é a sua presença física. Ninguém mais comanda o mesmo tipo de respeito e atenção sem que isso seja egoísta ou egocêntrico.

Todo ele é música; todo ele é diversão, celebração e ligação com os fãs. E isso, para mim, é realmente inspirador. Especialmente porque ele faz isto há tanto tempo, e está no topo do seu jogo há tanto tempo e continua à procura dum significado mais profundo. Mal posso esperar para ver o que fará a seguir.

Ele pegou numa coisa underground e transformou-a em global. Metallica é algo de enorme para mim e para qualquer banda de hard rock ou metal.

Ficará na história como um ícone do rock? Já o é – é o padrinho, pá.»

Consultar artigo original em inglês.

Facebook

Destaques

Notícias

Artigos

Mundo das Guitarras © 2021