#Guitarrista

Reviews

En Minor “When The Cold Truth Has Worn Its Miserable Welcome Out”

Dinâmico, com ambientações interessantes, experimental e inovador na carreira de Philip H. Anselmo.

Publicado há

-

Editora: Season Of Mist
Data de lançamento: 04.09.2020
Género: alternative folk
Nota: 4.5/5

Dinâmico, com ambientações interessantes, experimental e inovador na carreira de Philip H. Anselmo.

A maioria dos fãs de rock e metal conhece o músico Philip H. Anselmo, ou simplesmente Phil Anselmo, como um vocalista com uma personalidade forte, atitude insana, timbres agressivos, excelente técnica de drive e parte essencial no sucesso de Pantera e Down. Entretanto, acreditamos que a maioria dos nossos leitores vão ficar impressionados com sua nova banda En Minor e o seu primeiro trabalho de estúdio “When The Cold Truth Has Worn Its Miserable Welcome Out”.

O trabalho composto por onze faixas é interessante por vários motivos, sendo que um dos principais é que as músicas foram escritas e desenvolvidas desde que Phil tinha nove anos de idade, tendo sido inspiradas em acontecimentos pessoais da sua vida e trilhado um longo caminho de amadurecimento, para que finalmente fossem imortalizadas num disco. A banda que Phil escolheu para trazer seu projecto à luz do dia é composta por Stephen Taylor e Kevin Bond nas guitarras, Joiner Dover no baixo, Calvin Dover nos teclados e backing vocals, José Gonzalez na percussão e Jimmy Bower na bateria.

Um dos principais destaques do disco passa pela junção de diferentes influências musicais, percorrendo caminhos entre indie, rock alternativo, folk americano, country e nalguns momentos até música latina. Além das questões musicais, a parte lírica não ficou para trás e podemos perceber um lado mais emocional, sombrio e profundo de Phil Anselmo, tendo sido um ponto importante para conhecer um novo lado do músico.

“Mausoleums” na abertura, inicia-se com uma guitarra acústica que se assemelha ao folk americano ou música indie, criando uma atmosfera interessante para as vozes de Phil – que soam profundas, carregadas de sentimento e numa tonalidade mais grave do que o usual. “Blue” apresenta a mesma estrutura folk da faixa anterior, e, entretanto, é notável a importância da percussão para criar a ambientação hipnotizadora que a música em questão tem.

Devemos dizer que é muito interessante ter-se acesso a um lado mais inovador e fora dos padrões de Phil. “When The Cold Truth Has Worn Its Miserable Welcome Out” é um álbum variado, experimental e audacioso, apresentando momentos mais country com a utilização de belos violinos e backing vocals, como em “On The Floor”, e momentos realmente diferentes, exóticos e até dançantes como na latina “Dead Can’t Dance”.

Sobre termos um pouco mais técnicos, a utilização de violas com cordas de aço atreladas à guitarras com uma sonoridade com pouca distorção e timbres limpos com alguns efeitos que remetem ao psicadelismo em alguns momentos, foram essenciais para a criação da sonoridade do álbum – tendo os backing vocals, violinos e percussão complementado toda a atmosfera musical presente no trabalho.

“When The Cold Truth Has Worn Its Miserable Welcome Out” é um trabalho dinâmico, com ambientações interessantes, experimental e inovador na carreira de Philip H. Anselmo. Deve agradar aos antigos fãs do músico norte-americano, mas também deve conquistar a atenção de novos fãs vindos de outros estilos. Em suma, o trabalho não é comercial, mas os sentimentos expressos nas músicas atrelados ao instrumental folk e a sinceridade na voz de Phil devem trazer bons frutos.

Facebook

Destaques

Notícias

Artigos

Mundo das Guitarras © 2021