#Guitarrista

Subsolo

Chaos Commute: pensar o mundo com punk rock

Foto: Eric Köckeritz

Origem: Alemanha
Género: punk rock
Último lançamento: “Fairytales and Nightmares” (2021)
Editora: Krod Records
Links: Facebook | Bandcamp

Pesados, energéticos e com um pensamento crítico, os Chaos Commute erguem-se com o seu punk rock cativante.

«É pura emoção e convidamos a passarem-se da cabeça.»

O álbum: «As doze faixas deste álbum de estreia são tão emocionais quanto brutais. Entre auto-reflexão furiosa e condenação casual da gentrificação há uma linda balada sobre anseio e um raivoso hino antifascista. Somos a nova voz do hard rock político. Olhamos para dentro e para fora de forma crítica. Os riffs e melodias do rock de estádio perduram, não apesar dos problemas que abordam mas por causa deles. Cantem connosco e reflictam, façam mosh e levantem os isqueiros – “Fairytales and Nightmares” é o álbum rock do momento.»

Conceito: «Contamos histórias sobre reerguer novamente, sobre dramas nos relacionamentos, sobre a utopia da esquerda e o ódio da direita, sobre confessar amor e ser oprimido pela enxurrada de notícias e informações diárias.»

Sonoridade: «Por mais sujos que os riffs sejam e por mais áspero que o som seja, parecermos másculos não é o nosso objectivo. O som da banda está carregado de riffs que oscilam entre punk e rock com momentos experimentais. É pura emoção e convidamos a passarem-se da cabeça.»

Review: Muito baseados no punk rock, este projecto alemão também incorpora elementos de hard rock. Impacientes com a maneira como o mundo funciona, a banda traz para a música todo esse sentimento com riffs pesados, batidas aceleradas e refrãos altamente memoráveis, como bem se quer no punk rock. Indicados para a festa, mas também para se pensar a sociedade, os Chaos Commute soam muito refrescantes e energéticos. Ouvir sem parar!

Facebook

Destaques

Notícias

Artigos

Mundo das Guitarras © 2021